Notícias de dispositivos móveis, gadgets, aplicativos Android

Alguém roubou do Google e Facebooke é uma ironia acertá-los de volta

Num incidente recente, um lituano defraudou dois dos maiores gigantes do Vale do Sil√≠cio, saqueando-lhes o dinheiro ‚Äúganho com tanto esfor√ßo‚ÄĚ. Este homem chamado Evaldas Rimasauskas roubou um enorme total de US$ 122 milh√Ķes do Google e Facebooke simplesmente n√£o conseguimos pensar nisso sen√£o como ironia.

Sim! Bem, isso n√£o foi um ato de Robin Hood, e Evaldas admitiu que todo o dinheiro que roubou foi para seu interesse pessoal e que ele n√£o tinha planos de fazer algum ato altru√≠sta com todo esse dinheiro. Mas o que √© interessante aqui √© que um homem, sozinho, sentado atr√°s de uma mesa em um dos pa√≠ses mais distantes dos EUA, enganou essas corpora√ß√Ķes, que mantiveram os usu√°rios sob um falso pretexto de seguran√ßa na Internet e roubaram o melhor de sua privacidade. os anos. Todos sabem como os reis da web, como o Google e Facebook fizeram os usu√°rios dan√ßarem com seus termos, mesmo sem eles saberem, e ambos enfrentaram seu quinh√£o de cr√≠ticas e rea√ß√Ķes adversas nesse assunto. Com tudo isso em mente, esse pequeno roubo parece uma vingan√ßa na cara deles. Vamos analisar isso e ver o que aconteceu e como um homem enganou as corpora√ß√Ķes, que nos enganaram a todos por mais de uma d√©cada.

Google e Facebook: Os Reis Coroados da Internet

Imagem: Campo de Marketing

A primeira coisa que voc√™ faz ao comprar um desktop ou laptop √© abrir o navegador do sistema e baixar o Google Chrome. A primeira pesquisa em seu mecanismo de pesquisa padr√£o (Bing, Yahoo etc.) √© digitar Google. O primeiro servi√ßo de webmail que chama a sua aten√ß√£o √© o Gmail. E a lista continua. O Google √© uma das organiza√ß√Ķes mais populares e financeiramente mais bem-sucedidas do mundo. Inicialmente aclamado como um motor de busca, o Google expandiu o seu neg√≥cio para diferentes √°reas de risco, incluindo telem√≥veis, sistemas operativos e uma s√©rie de aplica√ß√Ķes. Com tudo isso. O Google tem um patrim√īnio l√≠quido de bilh√Ķes de d√≥lares, empregando uma enorme for√ßa de trabalho de quase 100.000 membros em todo o mundo.

Facebook, a corporação para quem você conta tudo o que faz, onde quer que vá, e também aquela com quem você faz amizade. Desde o início do site, Facebook certificou-se de manter um monopólio de cem por cento sobre o centro de mídia social na Internet. Comprou WhatsApp e Instagram para garantir que não haja outro Facebook no mercado. E agora, Facebook garante que ele esteja sempre de olho em você, rastreando todas as suas atividades nas redes sociais.

Voc√™ j√° pensou em como essas corpora√ß√Ķes acumularam bilh√Ķes em dinheiro, t√≠tulos e propriedades durante um per√≠odo de no m√°ximo vinte anos? Voc√™ j√° se perguntou como essas empresas fazem com que voc√™ as apoie em todas as suas atividades injustificadas, dando-lhes assim todas as chances de ganhar dinheiro com seus interesses pessoais?

N√≥s recomendamos:  Como adicionar ou remover rede sem fio do filtro Windows 10

Como o Google e Facebook Fazer dinheiro?

Fonte da imagem: FreakinAmazin

Tanto para o Google quanto para Facebook, os an√ļncios digitais e a gera√ß√£o de consumidores por meio de cliques em an√ļncios para diferentes empresas t√™m sido a principal fonte de gera√ß√£o de receita. Enquanto ambos Facebook e o Google n√£o cobram dos consumidores pelos seus servi√ßos, mas cobram caso queiram promover o seu neg√≥cio ou talento na Internet atrav√©s das suas plataformas. O Google ajuda os propriet√°rios de empresas a se conectarem com consumidores-alvo usando pesquisas espec√≠ficas por palavras-chave em seu site, enquanto Facebook ajuda os propriet√°rios de empresas a publicar e impulsionar an√ļncios para promover seus produtos ou servi√ßos. Atrav√©s da Instagram, Facebook cobra de artistas talentosos ou empresas de m√≠dia para se promoverem para um p√ļblico mais amplo e gerar neg√≥cios a partir da√≠. Como o mundo avan√ßou no tempo e as suas prefer√™ncias tamb√©m, ambas as organiza√ß√Ķes mudaram o foco para o conte√ļdo de v√≠deo, promovendo marcas atrav√©s dos seus YouTube e Facebook Plataformas ao vivo.

Então, você visita esses sites, vê algumas propagandas, talvez de suas marcas favoritas, e caso você clique nelas ou decida visitar seus respectivos sites, o Google e Facebook cobrar dessas marcas uma certa comissão em troca da geração de consumidores.

E então, é claro, eles têm dados do usuário para ganhar dinheiro.

Espere o que? Dados do usu√°rio? Sim!

Google e FacebookUso de nossos dados pessoais

Fonte da imagem: Tenta

Tanto o Google quanto Facebook têm sido fortemente examinados pela mídia e pelas autoridades policiais e de segurança cibernética devido ao uso indevido de dados de usuários, que coletam sobre as atividades dos usuários em suas próprias plataformas.

Suponhamos que voc√™ crie um ID do Gmail, que esteja diretamente vinculado a YouTube, Drive, PlayStore, Maps e outros aplicativos do Google. Caso voc√™ use um ID semelhante para Facebookvoc√™ vincula automaticamente seu Facebook e contas do Google. Depois vem o uso de aplicativos de terceiros. Todos n√≥s nos conectamos a aplicativos de terceiros dispon√≠veis na Play Store, como jogos, aplicativos de organizador, aplicativos banc√°rios e plataformas de varejo eletr√īnico, o tempo todo para usar seus servi√ßos. Todos n√≥s fazemos login neles, seja via Facebook (isso acontece principalmente no caso de jogos) ou via Google (especialmente em sites de varejo e bancos). Ao fazer isso, concordamos com certos termos e condi√ß√Ķes (que nenhum de n√≥s leu) e simplesmente seguimos nosso caminho para aproveit√°-los. Mas, na verdade, voc√™ d√° permiss√£o a esses aplicativos para rastrear e salvar suas prefer√™ncias, e como tudo est√° vinculado ao seu Facebook ou ID do Google, eles ter√£o automaticamente permiss√£o para ter acesso √†s suas atividades. √Č assim que voc√™ pode receber notifica√ß√Ķes por e-mail sobre tudo o que faz em aplicativos de terceiros. Al√©m disso, seus check-ins em Facebook e Instagram, ou suas pesquisas de navega√ß√£o no Google Maps tamb√©m revelam suas localiza√ß√Ķes. Ent√£o, basicamente, essas empresas geram uma enorme quantidade de dados de usu√°rios com base em sua presen√ßa online, que afirmam usar para tornar nossas experi√™ncias online mais personalizadas.

N√≥s recomendamos:  O Google torna o Play Livros mais adequado para crian√ßas com dicion√°rio visual, ‚Äėler e ouvir‚Äô

MAS!

Google e Facebook usaram repetidamente esses dados para ganhar dinheiro com meios injustos, violando as pol√≠ticas legais e o consentimento do usu√°rio. Essas empresas frequentemente vazam dados para diferentes organiza√ß√Ķes, o que inclui nossas informa√ß√Ķes privadas, bate-papos, detalhes de contato e at√© mesmo nossas prefer√™ncias.

Veja também:-

Rea√ß√Ķes adversas sobre o Google e FacebookOs feitos escandalosos de

Fonte da imagem: AdWeek

FacebookMark Zuckerberg, em 2018, enfrentou uma audi√™ncia de 55 membros no Senado ao longo de cinco longas horas, quando se descobriu que algumas ag√™ncias de an√°lise e perfil de eleitores coletaram dados de 87 milh√Ķes de pessoas. Facebook usu√°rios e potencialmente utilizados indevidamente para atingir eleitores em campanhas pol√≠ticas durante as elei√ß√Ķes presidenciais dos EUA em 2016, bem como durante o referendo do Brexit. O Google tem sido fortemente criticado pela Uni√£o Europeia devido ao uso indevido do consentimento do usu√°rio no compartilhamento de dados com potenciais anunciantes. Descobriu-se que o Google, sendo o maior corretor de publicidade do mundo, tinha falhas nos seus acordos de exclusividade, o que violava as leis antitruste da UE. O Google praticamente frustrou os propriet√°rios de pequenas empresas ao promover aquelas que lucravam com seu pr√≥prio neg√≥cio, quebrando assim regras s√©rias. O valor total da multa sobre o Google ultrapassou US$9 Bilh√Ķes na UE. Ent√£o de novo, Facebook foi multado em US$ 11.4 Milh√Ķes pelas autoridades italianas por compartilhamento de dados sem consentimento do usu√°rio. E recentemente, tanto o Google quanto Facebook foram criticados pelo governo da Nova Zel√Ęndia por sua incapacidade de distinguir o conte√ļdo das plataformas, o que levou √† transmiss√£o ao vivo de um ataque terrorista a uma mesquita de Christchurch. Essas multas podem chegar a US$ 100 milh√Ķes.

Portanto, n√£o √© novidade quando o Google e Facebook foram pegos em flagrante pelo uso indevido de dados de usu√°rios, o que gerou lucros para suas contas banc√°rias. O dinheiro que ganharam connosco e que nos enganaram, fazendo-nos acreditar nas suas falsas promessas, nada mais fez do que fortalecer as suas posi√ß√Ķes no mercado, proporcionando-lhes o monop√≥lio do marketing na Internet e dos neg√≥cios das redes sociais. E essa √© a √ļnica raz√£o pela qual, apesar da forte rea√ß√£o, ambos continuam a ser os principais players do mercado. Embora, pela primeira vez, a mar√© tenha invertido por um tempo.

O incidente

Fonte da imagem: Flipboard

Assim, Evaldas Rimasauskas fundou uma empresa online, chamada Quanta Computer na Let√≥nia, registando-a legalmente. O nome √© o mesmo do fabricante asi√°tico de hardware, que possui Google e Facebook como seus clientes. Rimasauskas fez contas falsas e as enviou para o Google e Facebook, exigindo pagamentos pelos aparentes servi√ßos que a Quanta lhes forneceu. Como o nome era o mesmo do verdadeiro Quanta Computer, o pessoal financeiro da Facebook e o Google n√£o hesitou em cumprir e pagou obedientemente todas as contas, totalizando US$ 122 milh√Ķes. O dinheiro foi ent√£o transferido para v√°rias contas na Let√≥nia, Hungria, Hong Kong e Eslov√°quia. Antes do Google e Facebook descobrindo, eles perderam US$ 23 milh√Ķes e US$ 98 milh√Ķes, respectivamente. Ent√£o, sim, enquanto eles enchiam os bolsos enganando os usu√°rios globais, algu√©m simplesmente roubava seus bolsos sem que eles soubessem.

N√≥s recomendamos:  10 modelos gratuitos de backlog de produto no Excel e ClickUp

O impacto

Fonte da imagem: Cooperativa de Crédito Federal

Definitivamente n√£o √© nenhum. Financeiramente, ambos Facebook e o Google t√™m bilh√Ķes em dinheiro, ent√£o isso √© t√£o pequeno quanto uma marca na superf√≠cie da lua. Google e Facebook continuariam a fazer o que t√™m feito. No entanto, isso afeta os usu√°rios e sua psicologia, pois n√£o s√£o essas grandes corpora√ß√Ķes que t√™m o poder de manipular nosso uso e dados, mas algu√©m da multid√£o pode fazer com que eles procurem ajuda √†s vezes. Por√©m, Rimasauskas disse que foi um roubo direto e n√£o algo que ele fez para fazer essas empresas pagarem; no entanto, ele os fez perceber o que pode acontecer se algu√©m quiser engan√°-los, pois eles enganaram seus usu√°rios.

Enquanto toda a m√≠dia continua a cobrir como um ladr√£o roubou milh√Ķes do Google e Facebook (o que obviamente n√£o se justifica), √© o mesmo que ambas as empresas fizeram conosco, usu√°rios. Mas como se tratava de dinheiro e aquilo era informa√ß√£o, Rimasauskas conseguiu uma cobertura maior. J√° √© tempo de n√≥s, como usu√°rios, percebermos o que estamos dando a um punhado de pessoas que tendem a controlar nossas escolhas online e se posicionar contra isso. As multas aplicadas a eles certamente n√£o afetariam seus grandes cofres e, portanto, cabe a n√≥s manter nossa identidade e presen√ßa protegidas contra roubo e uso indevido. Embora o incidente certamente fosse not√≠cia di√°ria certamente funciona como um lembrete ir√īnico de que algu√©m t√£o gigante como o Google e Facebook pode ser retirado. E que talvez algo como o ditado ‘o que vai, volta’ possa acontecer de verdade.