Notícias de dispositivos móveis, gadgets, aplicativos Android

Apple Fone de ouvido AR/VR chegando em 2023: t√£o poderoso quanto um Mac

Apple O analista Ming-chi Kuo confirmou que AppleO fone de ouvido AR da Microsoft chegará no quarto trimestre de 2022. Em uma nota de pesquisa identificada por MacRumors e 9to5Mac, Kuo confirmou que o fone de ouvido chegaria no próximo ano. Segundo ela, o headset virá com dois processadores.

Um desses processadores terá o mesmo nível de poder computacional do M1. O outro seria um chip de baixo custo para gerenciar os vários sensores do dispositivo.

N√≥s prevemos que AppleO headset AR da empresa a ser lan√ßado no 4T22 ser√° equipado com dois processadores. O processador de √ļltima gera√ß√£o ter√° poder de computa√ß√£o semelhante ao M1 para Mac, enquanto o processador de √ļltima gera√ß√£o ser√° respons√°vel pela computa√ß√£o relacionada ao sensor.

O design da unidade de gerenciamento de energia (PMU) do processador de √ļltima gera√ß√£o √© semelhante ao do M1 porque possui o mesmo n√≠vel de poder de computa√ß√£o do M1.

Apple Analista Ming-chi Kuo

Apple Especula√ß√Ķes de fones de ouvido AR/VR

De acordo com Kuo, Apple planeja substituir o iPhone por AR em 10 anos. O fone de ouvido AR é o primeiro passo nessa direção. Ele também prevê que o fone de ouvido também será capaz de suportar experiências de realidade virtual (VR). Quanto à tela, ele acredita que o fone de ouvido virá com um par de monitores 4K Micro OLED da Sony.

Com um processador t√£o poderoso quanto o M1, o fone de ouvido AR provavelmente ser√° um fone de ouvido AR independente. Kuo pensa que ‚Äúser√° posicionado apenas como um acess√≥rio para Mac ou iPhone. N√£o ser√° prop√≠cio ao crescimento do produto. Um headset AR que funcione de forma independente significa que ter√° seu ecossistema e fornecer√° a experi√™ncia de usu√°rio mais completa e flex√≠vel.‚ÄĚ

N√≥s recomendamos:  O jogo Battlefield Mobile estar√° dispon√≠vel para usu√°rios Android Beta em breve

AppleO fone de ouvido AR da empresa requer um processador separado, pois o poder de computação do sensor é significativamente maior que o do iPhone. Por exemplo, o fone de ouvido AR requer pelo menos 6-8 módulos ópticos para fornecer simultaneamente serviços AR transparentes de vídeo contínuo aos usuários. Em comparação, um iPhone requer até 3 módulos ópticos funcionando simultaneamente e não requerem computação contínua.

Apple Analista Ming-chi Kuo