Notícias de dispositivos móveis, gadgets, aplicativos Android

Dicas para proteger seus dispositivos e dados contra ataques cibernéticos

A cibersegurança está a tornar-se cada vez mais um problema a cada dia que passa: mais empresas estão a ser violadas, mais pessoas estão a ser enganadas por cibercriminosos e estar na Internet está a tornar-se uma ameaça à segurança.

Mas quais são algumas dessas ameaças? Como alguém se protege contra eles? Vamos examinar algumas das ameaças rapidamente.

Os ataques de ransomware WannaCry de 2017 influenciaram uma nova geração de hackers a seguir os mesmos passos. Hoje em dia, parece que todo hacker usa alguns forma de ransomware. Em uma pesquisa feita por Blackfog.comuma empresa sofre um ataque de ransomware a cada 11 segundos. E isso nem sequer afeta os indivíduos afetados por esses ataques.

O ransomware bloqueia o acesso dos usuários aos seus dispositivos, e o acesso é devolvido assim que o usuário paga uma taxa modesta (geralmente em Bitcoin). Recuperar o acesso é uma aposta, pois muitos programas de ransomware bloqueiam permanentemente o dispositivo em questão.

2. Vazamentos de dados

Existem muitos motivos pelos quais ocorrem vazamentos de dados, como:

  • Empresas que n√£o levam a s√©rio a seguran√ßa cibern√©tica,
  • Principais hacks nos sistemas internos de uma empresa (leia-se: o ponto acima)
  • Hacks de rede
  • Contas hackeadas
  • E mais.

Vazamentos de dados ocorrem quando dados são transmitidos não autorizados de uma empresa para um hacker ou organização. Isto, por sua vez, coloca em risco as pessoas a quem os dados pertencem, uma vez que os seus dados estão agora disponíveis na Internet aberta.

Assim como os ataques de ransomware, os vazamentos de dados se tornaram muito mais comuns, e at√© mesmo grandes corpora√ß√Ķes como a Equifax sofrem com eles. Os danos causados ‚Äč‚Äčpelo Viola√ß√£o de dados Equifax mostra como os vazamentos podem ser prejudiciais e por que √© importante ser cauteloso.

N√≥s recomendamos:  Como desinstalar Skype Para neg√≥cios de Windows 10

Conhecer as ameaças que assolam a Internet é vital para se defender deles. Falando em defesa contra essas ameaças, por que não repassar alguns dos programas que ajudam na defesa contra essas ameaças?

1. Scanners de vulnerabilidade

Os scanners de vulnerabilidade n√£o ‚Äúdefendem‚ÄĚ os dispositivos por si s√≥. Em vez disso, os scanners de vulnerabilidade inspecionam um dispositivo e sua rede associada para determinar se h√° ou n√£o vulnerabilidades presentes ‚Äď vulnerabilidades que apresentam um risco significativo.

Os scanners de vulnerabilidade são essenciais para uma segurança cibernética forte; é impossível saber tudo o que há de errado com uma rede ou dispositivo com apenas uma rápida olhada, mas os scanners de vulnerabilidade detectam tudo.

2. VPN

As VPNs, tamb√©m conhecidas como redes privadas virtuais, realizam duas coisas: anonimizar a atividade de rede de um dispositivo e mascarar o endere√ßo IP desse dispositivo. Ambos juntos ajudam a dar anonimato aos usu√°rios enquanto est√£o na Internet, mascarando sua presen√ßa de cibercriminosos, governos, organiza√ß√Ķes e vice-versa.

Instalar um aplicativo VPN é um bom primeiro passo para reforçar sua segurança cibernética. Não conte apenas com isso, é claro, mas certifique-se de adicionar um aos seus dispositivos.

3. Verificadores antimalware

O software antiv√≠rus vem com praticamente todos os laptops ou desktops vendidos nos principais varejistas, mas muitos n√£o incluem ‚Äď nem mesmo discutem ‚Äď o antimalware.

Os programas antiv√≠rus s√£o √≥timos para detectar amea√ßas mais significativas de pop-up em uma rede, como v√≠rus, worms e cavalos de Tr√≥ia, mas o software antimalware est√° mais bem equipado para detectar adware, keyloggers e ransomware: os outros ‚Äúwares‚ÄĚ ‚ÄĚOs antiv√≠rus n√£o conseguem detectar.

N√≥s recomendamos:  Voc√™ poder√° usar o WhatsApp em at√© 4 dispositivos, aqui est√° como? Tudo que voc√™ precisa saber

Os cibercriminosos e hackers tornaram-se mais inteligentes com o passar do tempo. Os usuários não podem mais ignorar a etiqueta adequada de segurança cibernética; ignorar a segurança cibernética é assinar o mandado de vazamento de dados.

Felizmente, a Internet está repleta de maneiras de proteger dispositivos, algumas delas listadas aqui. Usá-los é um bom primeiro passo para criar uma rede e um ecossistema de dispositivos mais seguros, ajudando você a se defender de possíveis ameaças.