Notícias de dispositivos móveis, gadgets, aplicativos Android

Opera√ß√£o HAECHI III ‚Äď INTERPOL prendeu 1.000 criminosos cibern√©ticos e Apreendidos US$ 130 milh√Ķes

Recentemente, ocorreram quase 1000 deten√ß√Ķes em resultado de uma opera√ß√£o policial conduzida pela INTERPOL numa tentativa de combater a fraude online. Como resultado desta opera√ß√£o, a Interpol recuperou activos virtuais no valor de 129.975.440 d√≥lares americanos.

Entre 28 de junho e 23 de novembro de 2022, esta opera√ß√£o foi realizada pela Interpol e eles batizaram esta opera√ß√£o de ‚ÄúHAECHI III‚ÄĚ. Investigadores de todo o mundo passaram mais de cinco meses trabalhando juntos para realizar esta opera√ß√£o essencial do HAECHI III.

Mais de 975 pessoas foram presas como resultado desta operação (HAECHI III), e mais de 1.600 casos foram encerrados.

Al√©m dos dois fugitivos, a Coreia do Sul os procurou por seu suposto envolvimento no esquema Ponzi que supostamente roubou 2.000 pessoas no valor de 28 milh√Ķes de euros ao longo de v√°rios anos.

Os rendimentos do crime financeiro online foram vinculados a quase 2.800 contas banc√°rias e de ativos virtuais que foram bloqueadas pelas autoridades respons√°veis ‚Äč‚Äčpela aplica√ß√£o da lei.

Tipos de crimes cibernéticos envolvidos

Este montante foi gerado por uma variedade de crimes cibernéticos, incluindo os seguintes:-

  • Golpes rom√Ęnticos
  • Phishing de voz
  • Sextor√ß√£o
  • Fraude de investimento
  • Lavagem de dinheiro
  • Jogos de azar online ilegais

Durante o curso das investiga√ß√Ķes da Opera√ß√£o HAECHI III, foram publicados e detectados os seguintes:-

  • 95 Avisos e divulga√ß√Ķes da INTERPOL
  • 16 novas tend√™ncias criminais

Através da sua rede de Gabinetes Centrais Nacionais (BCN) da INTERPOL, o IFCACC (Centro de Crime Financeiro e Anticorrupção da INTERPOL) coordenado a operação HAECHI III, que contou com o apoio de 30 países.

Al√©m disso, a INTERPOL observou que os golpistas est√£o cada vez mais usando aplicativos de mensagens criptografadas para trocar informa√ß√Ķes com pessoas v√≠timas de fraudes de investimento.

N√≥s recomendamos:  Resultados do Google Apps for Work 2 milh√Ķes de empresas pagas, apresenta recomenda√ß√Ķes de aplicativos

Destaques do HAECHI III

Existem dois destaques da operação HAECHI III que não devem ser perdidos:-

  • Foi confirmado que dois cidad√£os coreanos foram presos na It√°lia e na Gr√©cia por roubarem mais de US$ 29.100.000 de 2.000 v√≠timas coreanas.
  • Membros de um grupo de crimes cibern√©ticos com sede na √ćndia que se faziam passar por oficiais da INTERPOL foram presos. Os membros deste grupo enganaram suas v√≠timas, chamando-as para extorquir uma grande quantia em criptomoeda, que gira em torno de US$ 159.000.

Países participantes do HAECHI III

Abaixo compilamos uma lista de todos os pa√≠ses que participaram da opera√ß√£o HAECHI III: –

  • Austr√°lia
  • √Āustria
  • Brunei
  • Camboja
  • Costa do Marfim
  • Fran√ßa
  • Gana
  • Hong Kong (China)
  • √ćndia
  • Indon√©sia
  • Irlanda
  • Jap√£o
  • Cor√©ia
  • Quirguist√£o
  • Laos
  • Mal√°sia
  • Maldivas
  • Nig√©ria
  • Filipinas
  • Pol√īnia
  • Rom√™nia
  • Cingapura
  • Eslov√™nia
  • √Āfrica do Sul
  • Espanha
  • Su√©cia
  • Tail√Ęndia
  • Emirados √Ārabes Unidos
  • Reino Unido
  • Estados Unidos

Já se passaram vários meses desde que o mecanismo global de suspensão de pagamentos ARRP (Protocolo de Resposta Rápida Anti-Lavagem de Dinheiro) da INTERPOL foi disponibilizado aos investigadores como parte da Operação HAECHI III.

Agora, os países podem trabalhar em conjunto através do ARRP para apresentar e tratar pedidos de contenção de produtos criminais e para facilitar o processo de apresentação de tais pedidos.

Estima-se que o ARRP tenha contribu√≠do para a recupera√ß√£o de mais de 120 milh√Ķes de d√≥lares em produtos criminais desde Janeiro de 2022 provenientes de crimes cibern√©ticos ocorridos nos pa√≠ses membros.

Table of Contents